24/3/2014 15:31

Teve Isso! Fim de partida antes do previsto, mordaça e gol contra bizarro

Curiosidades do futebol brasileiro no fim de semana têm ainda ventania arrastando tenda da imprensa, rodos no gramado, número diferente e respostas a provocação

O fim de semana no futebol brasileiro foi marcado por inúmeros fatos curiosos, engraçados e inusitados, como a partida que terminou antes do previsto por não ter o número mínimo de jogadores necessário; o tropeção de um jogador no árbitro; os gandulas que usaram rodos para diminuir o número de poças no gramado encharcado; o curativo que mais parecida uma mordaça; o gol contra bizarro em clássico; a ventania que arrancou tenda da imprensa; e os jogadores que responderam provocações após a classificação. Quer saber o que rolou no fim de semana? Então não deixe de conferir o Teve Isso! desta segunda-feira.




EXPULSÕES E 'CAI-CAI'



A partida entre Santo André e Itapirense, válida pela 15ª rodada da Série A2 do Campeonato Paulista, nem precisou dos tradicionais 90 minutos para acabar. Com três jogadores expulsos (Roberto Jacaré, Ibson e Maurício) e dois machucados (Diego Morais e Diego Barbosa) no fim, a Itapirense ficou com apenas seis atletas em campo, número insuficiente para prosseguir com o jogo. Diante disso, o Santo André garantiu a vitória por 1 a 0 aos 39 minutos do segundo tempo, quando o árbitro foi obrigado a encerrar a disputa.
nunes santo andré (Foto: Site Oficial Santo André)

Atacante Nunes marcou o gol da vitória do Santo André sobre o Itapirense (Foto: Site Oficial Santo André)

 

 



DILÚVIO



A chuva que caiu antes da partida entre Rolim de Moura e Ji-Paraná, pela sexta rodada do Campeonato Rondoniense, deixou o gramado do Estádio Cassolão encharcado. Apesar de prejudicar o jogo, o temporal não impediu a vitória do Rolim de Moura por 1 a 0. O curioso é que antes da partida os gandulas ainda tentaram ajudar, usando um rodo para acabar com as poças d'água.
 Rolim de Moura e Ji-Paraná chuva (Foto: Fernanda Bonilha)

Gandulas usam rodos para diminuir o número de poças antes de jogo entre Rolim e Ji-Paraná (Foto: Fernanda Bonilha)

 



MORDAÇA












No clássico entre Bahia e Vitória, válido pela última rodada da segunda fase do estadual, o atacante tricolor Rhayner sofreu um corte no rosto após se envolver numa dividida com o também atacante rubro-negro Alan Pinheiro, que o atingiu com a sola da chuteira. Como o ferimento não parava de sangrar, o jeito encontrado pelo departamento médico foi enfaixar parte do seu rosto para que pudesse continuar no jogo. No início, ficou parecendo uma múmia. No entanto, com o decorrer da partida o curativo ficou parecendo mais uma mordaça. Tanto que, para conseguir beber água, Rhayner tinha que levantar a proteção. O Bahia venceu a partida por 2 a 0.



GOL CONTRA BIZARRO




No clássico contra o Santa Cruz, na Arena Pernambuco, o lateral Izaldo, do Náutico, fez um gol contra bizarro - como descreveu a própria conta do Náutico no Twitter. Após tentar afastar um cruzamento do atacante Leo Gamalho, ele primeiro acertou o travessão. Na sequência, tentou aliviar o perigo novamente, só que dessa vez com a cabeça, mas acaba mandando a bola para o fundo da rede. O Santa Cruz venceu a partida por 5 a 3, pela oitava rodada do hexagonal final do Campeonato Pernambucano.



NÚMERO DIFERENTE



O atacante Flávio Caça-Rato, do Santa Cruz, não vestiu a sua tradicional camisa número 7 no clássico contra o Náutico, na Arena Pernambuco. Segundo a assessoria de imprensa do Tricolor, o clube ficou sem a camisa 7 para o jogo simplesmente pelo fato de que Caça-Rato distribui muito o seu uniforme como presente. Xodó da torcida, ele é muito procurado pelos torcedores e também por jogadores de times rivais após os jogos para trocar os uniformes. Por isso, teve de abrir mão da 7 e usar a de número 21.
Náutico x Santa Cruz Flávio Caça-Rato (Foto: Antônio Carneiro / Pernambuco Press)

Flávio Caça-Rato usou a camisa número 21 no clássico contra o Náutico (Foto: Antônio Carneiro / Pernambuco Press)

 



CESTA












Após marcar o primeiro dos seus dois gols na vitória por 5 a 3 do Flamengo sobre a Cabofriense, no Maracanã, o atacante Alecsandro fez uma homenagem à equipe de basquete que conquistou a Liga das Américas ao derrotar o Pinheiros na final por 85 a 78. Ele pegou a bola e imitou os jogadores na hora de um lance livre. O Flamengo venceu a partida por 5 a 3, pela última rodada da fase de classificação do Campeonato Carioca.



ENCONTRÃO












Na partida contra a Cabofriense, no Maracanã, o meia argentino Lucas Mugni marcou o seu primeiro gol como jogador do Flamengo. Após receber passe do lateral Digão, ele dominou com extrema categoria e tocou por cima, na saída do goleiro Cetin. A alegria de Mugni foi tão grande que, na hora de correr para comemorar com os companheiros, acabou dando um encontrão no auxiliar de linha. O Flamengo venceu o jogo por 5 a 3.



TROPEÇÃO












Na partida entre Sport e Porto, na Ilha do Retiro, o meia Aílton, do Leão, participou de um lance curioso e até engraçado. Ele se preparava para receber passe do lateral-direito Patric, no meio-campo, quando tropeçou no árbitro Luiz Cláudio Sobral e caiu no gramado. Para a sorte dele, a sua queda não proporcionou um lance de perigo para a equipe de Caruaru. O Sport venceu o jogo por 1 a 0 e se classificou para as semifinais do Campeonato Pernambucano.



TÍTULO NO ÚLTIMO MINUTO












O Boavista não conseguiu a tão sonhada classificação para as semifinais do Campeonato Carioca, pois ficou atrás da Cabofriense no saldo de gols. Mas há um motivo para comemorar. Avitória por 1 a 0 garantiu ao clube o seu primeiro título da Taça Rio - dado àquele que mais somou pontos nos confrontos entre os 12 pequenos. O gol foi marcado no último lance da partida, numa cobrança de falta do zagueiro Gustavo, que mandou a bola no ângulo do goleiro Rafael. Conhecido como Geladeira pela sua forte marcação, ele mostrou que pode decidir com sutileza e precisão.



RESPOSTA



Após a vitória por 2 a 0, que garantiu a classificação do Atlético-PR para a semifinal do Campeonato Paranaense, os jogadores do Furacão rebateram as provocações feitas pelo rival ao longo da competição. O meia Zezinho, por exemplo, afirmou que time grande é o Atlético-PR. Além disso, afirmou que recebe salário em dia, em referência à crise financeira vivida pelo adversário. Já o volante Hernani lembrou as provocações e disse que a resposta precisava ser dada dentro de campo.
Comemoração do Atlético-PR contra o Paraná (Foto: Site oficial do Atlético-PR/Divulgação)

Jogadores do Furacão responderam as provocações feitas pelo Paraná (Foto: Site oficial do Atlético-PR/Divulgação)

 



VENTANIA



Antes da partida entre Gurupi e Tocantinópolis, válida pela quinta rodada do Campeonato Tocantinense, uma tenda improvisada para a imprensa no Estádio Rezendão, em Gurupi, foi levada pelo vento. Mas a forte chuva que se anunciava não caiu, e o incidente com a tenda não teve maiores consequências. O Gurupi venceu o jogo por 3 a 2.
Ventania arranca tenda no estádio Rezendão, em Gurupi (Foto: Gil Correia/Arquivo Pessoal)

Ventania arranca tenda no Rezendão antes do jogo entre Gurupi e Tocantinópolis (Foto: Gil Correia/Arquivo Pessoal)

 



ADEUS



O ex-jogador Bellini foi enterrado neste fim de semana em Itapira, sua cidade natal. Após ser velado no ginásio municipal, o corpo do ex-zagueiro foi levado ao Cemitério da Saudade no caminhão do Corpo de Bombeiros. A população se mobilizou para acompanhar o trajeto. Aproximadamente 300 pessoas estiveram presentes na cerimônia. Sobre o caixão, bandeiras de São Paulo, Vasco, do Brasil e da cidade de Itapira. Os vascaínos homenagearam Bellini na vitória por 4 a 0 sobre o Nova Iguaçu: entraram em campo com braçadeiras de capitão e repetiram o gesto eternizado pelo capitão do primeiro título mundial da Seleção.
Cortejo Bellini Enterro Itapira (Foto: Murilo Borges)

Bellini foi enterrado no Cemitério da Saudade, em Itapira, sua cidade natal (Foto: Murilo Borges)

 



DRIBLE À LA ZIDANE












O jogo não valia mais nada, pois tanto Botafogo quanto Nova Iguaçu não tinham mais chances de classificação para as semifinais, nem risco de serem rebaixados no Campeonato Carioca. Mas o meia Dieguinho presenteou os 308 pagantes em Moça Bonita com um belo drible, muito parecido com os que o ex-jogador Zidane usava para se livrar de seus marcadores. Ao perceber a aproximação do adversário na altura do meio-campo, ele passou o pé sobre a bola, girando o corpo sem perder o seu domínio. A partida terminou empatada por 1 a 1.



VEJA TAMBÉM
- Perto do Corinthians, goleiro Ivan tem rescisão com a Ponte Preta publicada no BID
- Willian fica fora de treino no campo, veja provável escalação do Corinthians
- Clube turco faz proposta ao Corinthians por Jonathan Cafú

LEIA TAMBÉM: Corinthians recebe proposta da Turquia por Jonathan Cafú

LEIA TAMBÉM: Corinthians confirma venda de Éderson e projeta mais saídas no elenco

LEIA TAMBÉM: "É um goleiro com a cara do Corinthians", afirma ex-preparador de Ivan



CEBOLINHA NO FLAMENGO OU PALMEIRAS? LISTA PRO MUNDIAL; DIEGO COSTA VEM HJ? ANDREAS: MICHAEL E MAIS








9459 visitas - Fonte: Globo Esporte

Mais notícias do Corinthians

Notícias de contratações do Timão
Notícias mais lidas

Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias

Próximo Jogo - Paulista

Dom - 18:30 - Bruno José Daniel - Premiere
Santo André
Corinthians

Último jogo - Paulista

Ter - 21:00 - Neo Química Arena
Corinthians
0 0
Ferroviária
Untitled Document
Classificação
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
Libertadores Pré-Libertadores Sul-Americana Rebaixados
vitoria empate derrota
Untitled Document
Classificação
1 Corinthians
2 Inter De Limeira
3 Santo André
4 Botafogo Sp
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
25 12 7 4 1 17 9 8 EVVEV
18 12 6 0 6 8 12 -4 VVVDV
13 12 3 4 5 9 13 -4 DEDVV
12 12 2 6 4 10 15 -5 DEVEE
Untitled Document
Classificação
1 River Plate
1 Atletico-MG
1 Palmeiras
1 Internacional
1 São Paulo
1 Barcelona SC
1 Argentinos JRS
1 Flamengo
2 Defensa Y Justicia
2 Fluminense
2 LDU De Quito
2 Boca Juniors
2 Always Ready
2 Racing Club
2 Cerro Porteno
2 Atletico Nacional
3 Rentistas
3 Independiente Del Valle
3 Olimpia
3 Real Esppor Club
3 Velez Sarsfield
3 Santos
3 Club Nacional
3 Santa Fe
4 Union La Calera
4 Sporting Cristal
4 Universitario
4 The Strongest
4 America De Cali
4 Deportivo Tachira FC
4 U. Catolica
4 Junior
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
4 2 1 1 0 3 2 1 EV
7 3 2 1 0 7 2 5 EVV
9 3 3 0 0 10 3 7 VVV
3 2 1 0 1 4 2 2 DV
6 2 2 0 0 5 0 5 VV
9 3 3 0 0 7 0 7 VVV
6 2 2 0 0 4 0 4 VV
9 3 3 0 0 10 5 5 VVV
4 3 1 1 1 5 3 2 EVD
4 2 1 1 0 3 2 1 EV
4 3 1 1 1 7 6 1 EVD
6 3 2 0 1 3 1 2 VVD
3 2 1 0 1 3 2 1 VD
4 2 1 1 0 3 2 1 EV
4 3 1 1 1 2 4 -2 VED
4 2 1 1 0 6 4 2 VE
1 2 0 1 1 1 3 -2 ED
1 2 0 1 1 1 6 -5 ED
3 2 1 0 1 4 4 0 DV
2 2 0 2 0 1 1 0 EE
3 3 1 0 2 5 6 -1 DDV
3 3 1 0 2 5 4 1 DDV
1 2 0 1 1 4 6 -2 DE
1 2 0 1 1 2 3 -1 ED
1 3 0 1 2 3 8 -5 EDD
0 2 0 0 2 1 5 -4 DD
0 2 0 0 2 2 6 -4 DD
0 3 0 0 3 0 10 -10 DDD
0 2 0 0 2 1 4 -3 DD
3 2 1 0 1 3 6 -3 VD
0 2 0 0 2 0 4 -4 DD
1 2 0 1 1 2 3 -1 ED