12/2/2024 17:55

Desempenho inicial de António Oliveira no Corinthians: sucessos e fracassos em análise.

Vitória do Corinthians sob o comando de António Oliveira traz esperança de mudança e recuperação no Campeonato Paulista.

Desempenho inicial de António Oliveira no Corinthians: sucessos e fracassos em análise.

Um novo técnico, uma nova formação e a desejada vitória após cinco derrotas seguidas. Assim pode ser resumido o 2 a 0 do Corinthians contra a Portuguesa , no último domingo, na Neo Química Arena, pela sétima rodada do Campeonato Paulista. Foram apenas dois treinos comandados pelo português António Oliveira, tempo insuficiente para uma análise mais profunda do que deve ser o trabalho. No entanto, a impressão inicial é positiva e dá esperança de uma mudança de comportamento em relação aos primeiros jogos da temporada. Dos dois jogadores mais contestados do início do ano se destacaram. Maycon e Yuri Alberto marcaram, voltaram a atuar bem e representam a busca por uma virada de chave no clube após o mau início e a crise nos primeiros dias de 2024. O resultado foi o suficiente para tirar o Corinthians da zona de rebaixamento e dar sobrevida na busca pela classificação para as quartas de final. A vitória, que encerrou sequência de cinco derrotas e o pior início de ano desde 1932, dá ânimo e tranquilidade para o início da passagem de António Oliveira no clube em busca das soluções necessárias para uma equipe ainda em formação.

António Oliveira em Corinthians x Portuguesa — Foto: Marcos Ribolli
Marcos Ribolli

Primeiras impressões António Oliveira mudou a disposição tática do Corinthians . Caetano foi improvisado na esquerda e entrou no lugar de Hugo, com Raul Gustavo formando a dupla de zaga com Félix Torres. Sem a bola, o trio fez uma linha defensiva dando a Fagner liberdade para subir e povoar o meio de campo, quase como um ponta pela direita. Pedro Raul teve no ataque as companhias de Wesley e Yuri Alberto. As mudanças deram maior mobilidade ao Corinthians, mas sem a mudança esperada em termos de criatividade. Rodrigo Garro foi o grande articulador e responsável pelas bolas paradas. E a principal chance do Corinthians na primeira etapa saiu em uma cobrança de falta do camisa 16. Raniele recebeu na segunda trave e tocou para a chegada de Pedro Raul.

Maycon comemora o gol em Corinthians x Portuguesa — Foto: Marcos Ribolli
Marcos Ribolli

Ajustes necessários O segundo tempo evidenciou alguns problemas que terão de ser resolvidos por António Oliveira. O técnico terá trabalho e precisará de tempo e reforços para encontrar as soluções mais urgentes. A principal deficiência neste momento é defensiva. Félix Torres, Raul Gustavo e Caetano têm encontrado dificuldade em acompanhar jogadas em velocidade, como nas chegadas de Felipe Marques e Chrigor no duelo deste domingo. Outra dificuldade defensiva encontrada é a bola aérea.

Rodrigo Garro em Corinthians x Portuguesa — Foto: Marcos Ribolli
Marcos Ribolli


VEJA TAMBÉM
- Yuri Alberto Acredita na Classificação do Corinthians Após Gol de Pedro Raul.
- Muito obrigado! Torcedores elogiam Pedro Raul, após a vitória
- Pedro Raul decide, Corinthians vence Santo André e mantém chances no Paulistão.









351 visitas - Fonte: -

Mais notícias do Corinthians

Notícias de contratações do Timão
Notícias mais lidas

Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias

  • publicidade
  • publicidade
    publicidade

    Paulista

    Sb - 16:00 - Neo Química Arena -
    X
    Corinthians
    Santo Andr??

    Paulista

    Dom - 20:00 - Neo Química Arena
    0 X 1
    Corinthians
    Ponte Preta
    publicidade
    publicidade
    publicidade