17/11/2023 22:04

Procuradoria do STJD pede suspensão de Bruno Méndez e de dirigentes do Corinthians

Procuradoria do STJD pede suspensão de Bruno Méndez e de dirigentes do Corinthians

Expulso no jogo contra o Grêmio, o zagueiro Bruno Méndez foi denunciado pela Procuradoria do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) nesta sexta-feira. O presidente do Corinthians, Duilio Monteiro Alves, e o gerente de futebol Alessandro Nunes também devem ser julgados por causa da mesma partida.

+ Siga o ge Corinthians no WhatsApp

Dirigente do Corinthians se revolta com arbitragem e tenta invadir sala do VAR

Alessandro Nunes tentou invadir a sala técnica do VAR na Arena do Grêmio . Ele foi contido por seguranças até se acalmar, no intervalo do jogo disputado na Arena do Grêmio no último domingo. Depois, o dirigente admitiu o erro e disse já esperar punição.

– Indevidamente eu me dirigi até a área do VAR para protestar o absurdo de não ter auxiliado o árbitro de campo. Foi uma vergonha o que ele fez. Estou errado? Sim. Preciso ser penalizado? Sim. Mas precisa ser dito as verdades: o que ele fez foi uma vergonha – afirmou Alessandro na ocasião.

A Procuradoria não informa em qual artigo denunciou os dirigentes do Corinthians. O presidente Duilio Monteiro Alves estava com a delegação em Porto Alegre, mas não tentou invadir a área do VAR nem falou com os jornalistas na ocasião.

Leia também: + Corinthians propõe quitar dívida com a Caixa pela Arena + Diretor promete contas saudáveis "em até cinco anos" + Por que Timão quer vender parte da Arena

Alessandro tentou invadir uma sala técnica do VAR durante Grêmio x Corinthians — Foto: Reprodução/Júlia Brasil/RDC TV

Alessandro tentou invadir uma sala técnica do VAR durante Grêmio x Corinthians — Foto: Reprodução/Júlia Brasil/RDC TV

Mesmo vencendo o Grêmio por 1 a 0, o Corinthians saiu do jogo irritado com a arbitragem. Houve muita reclamação de um possível pênalti em Matheus Bidu no lance anterior à expulsão de Bruno Méndez, ainda no início do jogo. Depois, a Comissão de Arbitragem da CBF admitiu que, de fato, o certo seria marcar o pênalti .

Ainda não há data para o julgamento do processo na comissão disciplinar do STJD. O pedido da Procuradoria foi enviado ao presidente do STJD, José Perdiz de Jesus, que deve despachar sobre os casos na próxima semana.

Méndez pode não jogar mais no Corinthians

O caso de Bruno Méndez é mais simples. O zagueiro deu entrada dura em Lucas Besozzi com poucos minutos de jogo, originalmente recebeu um cartão amarelo, mas acabou expulso após revisão do VAR. Agora ele pode ter a pena ampliada pelo Tribunal.

A denúncia tem base no Art. 254-A do CBJD, que prevê de quatro a 12 jogos de suspensão a quem “praticar agressão física durante a partida”.

Restam quatro rodadas do Campeonato Brasileiro, e Méndez cumpre suspensão no jogo contra o Bahia, na sexta-feira. O atual contrato dele termina em 31 de dezembro e, apesar da intenção de renovação, podem ser as últimas semanas do uruguaio no clube . Se ele for punido pelo STJD, pode nem jogar mais pelo Alvinegro.

Aos 9 min do 1º tempo - cartão vermelho direto de Bruno Méndez do Corinthians contra o Grêmio

?? Ouça o podcast ge Corinthians??

+ Assista: tudo sobre o Corinthians na Globo, sportv e ge

50 vídeos


VEJA TAMBÉM
- NO TIMÃO? Empresário estaria querendo trazer jóia do Barcelona para o Corinthians
- ANÚNCIO PRÓXIMO! Nova patrocinadora máster do Corinthians quer trazer reforço midiático para a equipe
- MAIS DE 300 MILHÕES! Corinthians negocia parceria de patrocínio máster; confira os valores









786 visitas - Fonte: ge

Mais notícias do Corinthians

Notícias de contratações do Timão
Notícias mais lidas

Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias

publicidade

Brasileiro

Qui - 20:00 - Neo Química Arena -
X
Corinthians
Gremio

Brasileiro

Dom - 16:00 - Arena Fonte Nova
0 X 1
Bahia
Corinthians
publicidade
publicidade
publicidade