25/11/2021 17:20

Por onde andam os jogadores que venceram a Libertadores de 2012?

Corinthians foi campeão invicto da competição naquele ano

O ano era 2012, dia 04 de julho, Pacaembu. O Corinthians tentava acabar com as piadas dos rivais e conquistar seu primeiro título de Libertadores. Assim, com dois gols de Emerson Sheik, o Timão derrotou o Boca Juniors, por 2 a 0, e pintou a américa de preto e branco. Porém, embora Sheik tenha sido o herói do título, ele não foi o único jogador marcante na campanha invicta do Corinthians.

Além disso, o técnico daquela Libertadores, viria a ser um dos melhores da história do clube. Tite, cantado até hoje pela torcida do Timão, entrou junto com os jogadores para a eternidade alvinegra.



Mas, por onde andam os campeões da américa de 2012? De uma conquista que virou até filme (Libertados). Confira:

Cássio – Goleiro
Não é novidade para ninguém onde está o Cássio. Sem dúvidas um dos maiores e melhores goleiros da história do Corinthians. O jogador é titular do gol corintiano desde então. Assim, além da Libertadores, ele conquistou 4 Paulistas, 2 Brasileiros, uma Recopa e o Mundial de Clubes de 2012.

Com 560 jogos pelo Timão, Cássio já o 6° jogador com mais jogos na história do clube.

Alessandro – Lateral Direito
Entre todos os jogadores, nada mais, nada menos, que o homem que ergueu a Libertadores. Alessandro foi o capitão escolhido por Tite para a final no Pacaembu. Assim, o lateral se aposentou um ano e meio depois de conquistar a américa, parado de jogar ao fim de 2013.

Entretanto, Alessandro ainda está no Corinthians, mas como dirigente. O ex-jogador é um dos homens fortes do futebol corinthiano, sendo sua segunda passagem pelo clube, com esse cargo.

Chicão – Zagueiro
Mesmo que campeão, naquela altura do campeonato, já era claro que Chicão vivia um fim de ciclo no Timão. Apesar disso, o zagueiro ainda ficou para conquistar o Mundial, Paulistão de 2013 e a Recopa, deixando o clube em agosto de 2013. Depois disso, o jogador teve uma boa passagem pelo Flamengo, pelo Bahia e pelo futebol indiano, se aposentando em julho de 2016.

Leandro Castán – Zagueiro
Um dos poucos daquela conquista que ainda está em atividade. Assim, logo após o título, Castán foi vendido para a Roma, e ficou por muitos anos no futebol italiano. Além do clube da capital, ele passou por Sampdoria, Torino e Cagliari, e desde 2018, é jogador do Vasco.

Em 2017, o zagueiro teve um sério problema de saúde, tendo um câncer no cérebro, mas conseguiu se recuperar.

Fábio Santos – Lateral Esquerdo
Mais um dos jogadores que ainda estão em atividade, inclusive jogando no Corinthians. Depois de conquistar a américa, o lateral deixou o Timão em 2015, para jogar no Cruz Azul, do México. Após um ano, ele voltou para o Brasil, em 2016, mas seu caminho foi o Atlético Mineiro. Assim, depois de quatro anos no clube mineiro, ele retornou para o Corinthians em outubro de 2020, e hoje está com 36 anos.

Além da Libertadores, Fábio conquistou 2 Brasileiros, Mundial de Clubes, Recopa e um Paulistão pelo Timão.

Ralf – Volante
Um dos jogadores mais marcantes da campanha, um verdadeiros “cão de guarda”. Ralf é um dos grandes nomes da história do clube. Depois da América, ele foi campeão da Recopa e do Paulista de 2013, e deixou o Timão após conquistar o Campeonato Brasileiro de 2015, a caminho da China. Depois de dois anos no Beijing Guoan, ele voltou para o Corinthians em 2018, para ganhar mais dois Paulistão. No começo de 2020, ele deixou o clube, e após uma rápida passagem pelo Avaí, hoje ele está sem clube.

Paulinho – Volante
Esse já tem dia e hora marcada para voltar ao Timão. A cabeçada contra o Vasco, nas quartas de finais, para classificar o Corinthians, é um dos gols mais lembrados da história do clube. Assim, como Castán, Paulinho deixou o alvinegro após a Libertadores, para jogar no Tottenham, da Inglaterra. Entretanto, ele não deu certo na Europa.

Depois da Premier League, o volante jogou anos no Guangzhou, da China, teve uma passagem pelo Barcelona, e jogou duas Copas do Mundo. Recentemente, ele rescindiu seu contrato com Al-Ahli, e segundo especulações, retornará para o Corinthians em janeiro de 2022.

Alex – Meia
Um dos jogadores mais vitoriosos dos últimos tempos no Brasil. Alex teve passagens marcantes por Corinthians e Internacional. O meio campista deixou o Timão após o título, jogando por uma temporada no Al-Gharafa, do Qatar. Um ano depois, ele voltou ao Brasil, para jogar e se aposentar no Inter, em 2017.

Hoje, o jogador que foi campeão brasileiro de 2011 e da Libertadores de 2012 pelo Corinthians, é auxiliar técnico de Sylvinho.

Danilo – Meia
Assim como Alex, um dos jogadores mais vitoriosos do século no Brasil. Danilo se aposentou como um dos grandes nomes da história do Corinthians. O meio campo deixou o Timão em 2019, ganhando 3 Brasileirão, 3 Paulistão, Libertadores, Mundial e Recopa.

Hoje técnico do time sub-23 do Timão, Danilo disputou 359 jogos pelo clube, e fez o gol que classificou o Corinthians para a final da Libertadores.

Jorge Henrique – Atacante
O jogador ainda ficou no clube para ser campeão mundial, mas deixou o time em janeiro de 2013. Depois disso, Jorge Henrique teve passagens por Internacional, Vasco, Figueirense, Náutico, e atualmente, joga no Brasiliense.

Pelo Corinthians, o atacante foi campeão paulista, da Copa do Brasil , Brasileiro e da Libertadores.

Emerson Sheik – Atacante
O grande nome da final. Sheik deu a assistência para o gol de Romarinho em La Bombonera, e fez os inesquecíveis gols da final. Além disso, todo torcedor do Timão vai se lembrar do golaço que o atacante marcou na Vila Belmiro, contra o Santos.

Depois da Libertadores, Emerson foi campeão do mundo, da Recopa e do Paulista de 2013 no Corinthians. Entre idas e vindas no alvinegro, ele teve passagens por Botafogo, Flamengo e Ponte Preta, retornando em 2018 ao Timão e se aposentando no fim daquele ano.

Hoje, Sheik é comentarista no SBT. Além disso, ele teve uma rápida passagem como dirigente do Corinthians.

Tite – Técnico
Para muitos, o maior treinador da história do Timão. Tite é o segundo técnico com mais jogos na história do clube, com 378 jogo, ficando atrás apenas de Oswaldo brandão, com 435. Pelo Corinthians, Adenor conquistou a Libertadores depois da traumática eliminação pro Tolima.

Depois da América, ele foi campeão do mundo, da Recopa e do Paulistão, em 2013. Ficou fora do Timão em 2014, e retornou em 2015, para ser campeão brasileiro. Em 2016, ele deixou o clube para comandar a seleção brasileira.

Reservas marcantes
Júlio César – Ele perdeu a titularidade para Cássio no meio da Libertadores. Entretanto, ele ficou 10 anos no Corinthians, inclusive durante a série B, saindo do clube em 2015. Hoje, ele é goleiro do Bragantino, e um dos jogadores importantes no projeto da equipe.

Marquinhos – Hoje no PSG e titular absoluto da seleção brasileira, o zagueiro revelado no Corinthians não jogou na campanha.



Romarinho – “OLHA O ROMARINHO”. Assim, com esse grito, foi marcada a passagem do atacante pelo clube. ele foi o autor do golaço de empate contra o Boca, na Argentina. Sendo o rei do clássicos contra o Palmeiras, ele deixou o Corinthians em setembro de 2014, e hoje joga no Al-Ittihad, da Arábia Saudita.



LEIA TAMBÉM: Sylvinho tieta Mantuan no Corinthians e barra saída do meia-atacante

LEIA TAMBÉM: Veja os jogadores que devem deixar o Corinthians após o fim do Brasileirão

LEIA TAMBÉM: Sem Fagner e Gabriel, veja as alternativas para Sylvinho no Corinthians








1899 visitas - Fonte: Torcedores.com

Mais notícias do Corinthians

Notícias de contratações do Timão
Notícias mais lidas

Ralf não está sem clube, ele está no Cianorte do Paraná.

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias

Próximo Jogo - Brasileiro

Dom - 16:00 - Neo Química Arena - Globo
Corinthians
Grêmio

Último jogo - Brasileiro

Dom - 16:00 - Neo Química Arena
Corinthians
1 0
Athletico-PR
Untitled Document
Classificação
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
Libertadores Pré-Libertadores Sul-Americana Rebaixados
vitoria empate derrota
Untitled Document
Classificação
1 Corinthians
2 Inter De Limeira
3 Santo André
4 Botafogo Sp
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
25 12 7 4 1 17 9 8 EVVEV
18 12 6 0 6 8 12 -4 VVVDV
13 12 3 4 5 9 13 -4 DEDVV
12 12 2 6 4 10 15 -5 DEVEE
Untitled Document
Classificação
1 River Plate
1 Atletico-MG
1 Palmeiras
1 Internacional
1 São Paulo
1 Barcelona SC
1 Argentinos JRS
1 Flamengo
2 Defensa Y Justicia
2 Fluminense
2 LDU De Quito
2 Boca Juniors
2 Always Ready
2 Racing Club
2 Cerro Porteno
2 Atletico Nacional
3 Rentistas
3 Independiente Del Valle
3 Olimpia
3 Real Esppor Club
3 Velez Sarsfield
3 Santos
3 Club Nacional
3 Santa Fe
4 Union La Calera
4 Sporting Cristal
4 Universitario
4 The Strongest
4 America De Cali
4 Deportivo Tachira FC
4 U. Catolica
4 Junior
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
4 2 1 1 0 3 2 1 EV
7 3 2 1 0 7 2 5 EVV
9 3 3 0 0 10 3 7 VVV
3 2 1 0 1 4 2 2 DV
6 2 2 0 0 5 0 5 VV
9 3 3 0 0 7 0 7 VVV
6 2 2 0 0 4 0 4 VV
9 3 3 0 0 10 5 5 VVV
4 3 1 1 1 5 3 2 EVD
4 2 1 1 0 3 2 1 EV
4 3 1 1 1 7 6 1 EVD
6 3 2 0 1 3 1 2 VVD
3 2 1 0 1 3 2 1 VD
4 2 1 1 0 3 2 1 EV
4 3 1 1 1 2 4 -2 VED
4 2 1 1 0 6 4 2 VE
1 2 0 1 1 1 3 -2 ED
1 2 0 1 1 1 6 -5 ED
3 2 1 0 1 4 4 0 DV
2 2 0 2 0 1 1 0 EE
3 3 1 0 2 5 6 -1 DDV
3 3 1 0 2 5 4 1 DDV
1 2 0 1 1 4 6 -2 DE
1 2 0 1 1 2 3 -1 ED
1 3 0 1 2 3 8 -5 EDD
0 2 0 0 2 1 5 -4 DD
0 2 0 0 2 2 6 -4 DD
0 3 0 0 3 0 10 -10 DDD
0 2 0 0 2 1 4 -3 DD
3 2 1 0 1 3 6 -3 VD
0 2 0 0 2 0 4 -4 DD
1 2 0 1 1 2 3 -1 ED