22/11/2021 19:52

Há seis anos, reservas do Corinthians atropelavam o São Paulo por 6 a 1 e erguiam troféu do hexa em Itaquera

Após garantir no Rio o seu sexto título do Brasileirão, Alvinegro, escalado quase inteiro com suplentes, humilhou o Tricolor e garantiu festa da Fiel em jogo da entrega da taça na Arena

Há exatos seis anos, em 22 de novembro de 2015, o Corinthians protagonizou um dia de grande festa para a sua torcida ao golear o São Paulo por 6 a 1, na Neo Química Arena, no clássico em que os seus jogadores depois ergueram no gramado o troféu do hexacampeonato nacional, garantido na rodada anterior do Brasileirão com um empate por 1 a 1 com o Vasco, em São Januário.

Naquela ocasião, com o título já assegurado por antecedência, o técnico Tite optou por mandar a campo uma formação quase inteira de jogadores então considerados reservas. Em relação ao time escalado no confronto anterior diante dos vascaínos, apenas o goleiro Cássio, o zagueiro Felipe e o volante Ralf foram mantidos na equipe para encarar os são-paulinos em Itaquera.



Porém, a opção do treinador corintiano que poderia significar uma chance de o rival aproveitá-la para vencer o clássico, não se confirmou e o que se viu no duelo foi um atropelamento dos donos da casa. Já no primeiro tempo do jogo, o Timão abriu 3 a 0, com gols de Bruno Henrique, Romero e Edu Dracena.

E na etapa final daquele clássico a humilhação são-paulina começou a ser consumada de forma mais evidente aos 15 minutos, quando os corintianos começaram a colocar o rival da roda com uma série de passes em uma jogada que teve participação de Romero e Bruno Henrique e depois foi concluída em gol por Lucca após um lindo toque de letra dado pelo experiente Danilo.

Atônito com o que estava acontecendo, o São Paulo tomaria mais um gol três minutos depois, quando Hudson marcou contra ao tentar cortar um cruzamento do paraguaio Romero. O Tricolor descontou o placar com Carlinhos aos 26, mas, já aos 30, Cristian decretou a goleada por 6 a 1 ao converter um pênalti sofrido por Romero, um dos destaques daquele jogo. E para deixar a festa dos torcedores corintianos ainda maior, o ídolo Cássio defendeu uma penalidade cobrada por Alan Kardec no confronto.

No fim foram seis gols marcados sobre o tradicional rival no mesmo dia em que festejou com a torcida o seu sexto título do Brasileirão. Neste clássico o Corinthians registrou também o seu recorde de público naquela competição, com 44.976 pagantes. E vale lembrar ainda que naquele torneio o Timão fecharia a sua campanha com 81 pontos, que é até hoje a maior pontuação da equipe na era dos pontos corridos com 20 clubes participantes no Brasileiro.

No clássico em que acabou humilhando o São Paulo em 2015, o Alvinegro foi a campo com Cássio; Fagner, Felipe, Edu Dracena e Uendel ; Ralf, Bruno Henrique, Rodriguinho e Danilo ; Lucca e Romero. Na etapa final da partida, Tite também promoveu as entradas de Lincom, Cristian e Yago.

PRIMEIRO TROFÉU ERGUIDO NA ARENA

Ao lembrar nesta segunda-feira da sua conquista nacional de seis anos atrás, o Corinthians também recordou que aquele troféu de 2015 foi o primeiro levantado pelo clube na Arena, que foi inaugurada em 2014 e inicialmente foi utilizada como um dos principais palcos da Copa do Mundo daquele ano.

- O dia 22/11/2015 foi marcante para o Timão e para a Fiel! Após goleada por 6 a 1 sobre o São Paulo, o Coringão recebeu a taça do @Brasileirao daquele ano, a primeira taça erguida na @NeoQuimicaArena - destacou o Corinthians em uma publicação na tarde desta segunda-feira em seu perfil no Twitter.

Já por meio da nota em seu site oficial na qual relembrou a conquista do hexacampeonato brasileiro garantindo em 2015, o Alvinegro enfatizou também outro fato histórico importante que foi ocasionado por aquele 6 a 1.



- Com 14 pontos de vantagem para o segundo colocado e após aplicar a maior goleada da história do clássico Majestoso, o Corinthians levantou a taça de hexacampeão - destacou o clube, cujo time depois também se tornaria heptacampeão brasileiro com a conquista de 2017, então com a equipe sendo comandada pelo técnico Fábio Carille, atual treinador do Santos.



Corinthians, Timão, Alvinegro, TudoTimão



LEIA TAMBÉM: Corinthians treina bolas paradas de olho no último duelo de 2021

LEIA TAMBÉM: Cássio admite falhas, mas vê torcida do Corinthians "passando do ponto" com Sylvinho

LEIA TAMBÉM: Destaque do Corinthians, Róger Guedes lidera estatísticas na temporada








2664 visitas - Fonte: Terra

Mais notícias do Corinthians

Notícias de contratações do Timão
Notícias mais lidas

Roseli Sabino     

Saudades!!!!nota 10 pra eles !!!

Roseli Sabino     

Muito bom de bola noata 10 !!!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias

Próximo Jogo - Brasileiro

Qui - 21:30 - Alfredo Jaconi - Premiere
Juventude
Corinthians

Último jogo - Brasileiro

Dom - 16:00 - Neo Química Arena
Corinthians
1 1
Grêmio
Untitled Document
Classificação
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
Libertadores Pré-Libertadores Sul-Americana Rebaixados
vitoria empate derrota
Untitled Document
Classificação
1 Corinthians
2 Inter De Limeira
3 Santo André
4 Botafogo Sp
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
25 12 7 4 1 17 9 8 EVVEV
18 12 6 0 6 8 12 -4 VVVDV
13 12 3 4 5 9 13 -4 DEDVV
12 12 2 6 4 10 15 -5 DEVEE
Untitled Document
Classificação
1 River Plate
1 Atletico-MG
1 Palmeiras
1 Internacional
1 São Paulo
1 Barcelona SC
1 Argentinos JRS
1 Flamengo
2 Defensa Y Justicia
2 Fluminense
2 LDU De Quito
2 Boca Juniors
2 Always Ready
2 Racing Club
2 Cerro Porteno
2 Atletico Nacional
3 Rentistas
3 Independiente Del Valle
3 Olimpia
3 Real Esppor Club
3 Velez Sarsfield
3 Santos
3 Club Nacional
3 Santa Fe
4 Union La Calera
4 Sporting Cristal
4 Universitario
4 The Strongest
4 America De Cali
4 Deportivo Tachira FC
4 U. Catolica
4 Junior
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
4 2 1 1 0 3 2 1 EV
7 3 2 1 0 7 2 5 EVV
9 3 3 0 0 10 3 7 VVV
3 2 1 0 1 4 2 2 DV
6 2 2 0 0 5 0 5 VV
9 3 3 0 0 7 0 7 VVV
6 2 2 0 0 4 0 4 VV
9 3 3 0 0 10 5 5 VVV
4 3 1 1 1 5 3 2 EVD
4 2 1 1 0 3 2 1 EV
4 3 1 1 1 7 6 1 EVD
6 3 2 0 1 3 1 2 VVD
3 2 1 0 1 3 2 1 VD
4 2 1 1 0 3 2 1 EV
4 3 1 1 1 2 4 -2 VED
4 2 1 1 0 6 4 2 VE
1 2 0 1 1 1 3 -2 ED
1 2 0 1 1 1 6 -5 ED
3 2 1 0 1 4 4 0 DV
2 2 0 2 0 1 1 0 EE
3 3 1 0 2 5 6 -1 DDV
3 3 1 0 2 5 4 1 DDV
1 2 0 1 1 4 6 -2 DE
1 2 0 1 1 2 3 -1 ED
1 3 0 1 2 3 8 -5 EDD
0 2 0 0 2 1 5 -4 DD
0 2 0 0 2 2 6 -4 DD
0 3 0 0 3 0 10 -10 DDD
0 2 0 0 2 1 4 -3 DD
3 2 1 0 1 3 6 -3 VD
0 2 0 0 2 0 4 -4 DD
1 2 0 1 1 2 3 -1 ED