26/11/2020 16:46

Complicou! Justiça não aceita sede do Corinthians como garantia e bloqueia contas do clube

União cobra R$ 5,9 milhões do Timão, mas só R$ 249,9 mil foram encontrados

O Corinthians tentou usar o Parque São Jorge como garantia num processo movido pela União Federal, mas a Justiça não aceitou e bloqueou R$ 249,9 mil do clube em três contas diferentes.



LEIA TAMBÉM: Vilson Menezes, gerente de futebol do Corinthians, testa positivo para Covid-19


A ação é referente a contribuições previdenciárias não pagas entre 2000 a 2005.

O valor cobrado pela Procuradoria Federal da Fazenda é bem maior, R$ 5,9 milhões. Porém, o montante não foi encontrado em 14 contas do Timão em diferentes instituições financeiras.

Em Certidão de Dívida Ativa obtida pelo ge, consta R$ 1,5 milhão como valor inicial do débito do Timão, referente ao período de novembro de 2000 a outubro de 2005. Só de juros são cobrados mais de R$ 3 milhões. Não há detalhamento sobre a origem dessas dívidas previdenciárias.

Tal valor não entrou no Profut, programa que entrou em vigor em 2015 e permite aos clubes parcelarem suas dívidas em até 20 anos com descontos de multas e juros. Isso porque o clube entende que há jurisprudência para eliminar tal débito e, desta forma, está movendo uma ação anulatória.

A oferta do Parque São Jorge foi uma alternativa encontrada pelo Timão para discutir o valor da ação. Quando foi citado, o clube tinha a opção de quitar a dívida no ato ou então oferecer uma garantia para questionar judicialmente o montante cobrado.

A proposta foi recusada pois a matrícula do imóvel estava desatualizada, porque já constam penhoras sobre este bem e também pelo fato de a Lei 6.830/80 priorizar dinheiro em detrimento de imóveis como garantia em execuções fiscais.

Nesta semana, o Corinthians já havia tido R$ 350 mil bloqueados por conta de ação movida pela Prefeitura de São Paulo, relacionada a contrapartidas pela construção da Neo Química Arena.

O Timão se manifestou sobre o assunto por meio da seguinte nota:



"Sobre a referida execução fiscal, o Sport Club Corinthians Paulista informa que ainda discute a matéria em ação anulatória, por entender que a dívida – referente a período entre 2000 e 2005 – não é devida, de acordo com jurisprudência estabelecida.

Em paralelo, o clube recorrerá da decisão que levou à presente execução fiscal, pedindo sua suspensão.
"


Corinthians, Justiça, Bloqueio, Contas, Parque São Jorge, Timão



LEIA TAMBÉM: Vai voltar? Corinthians faz sondagem para que ídolo do clube seja o novo técnico do time sub-23

LEIA TAMBÉM: Com dois clubes, Mancini tem mesma pontuação do que Santos no Brasileirão






2766 visitas - Fonte: Globoesporte.com

Mais notícias do Corinthians

Notícias de contratações do Timão
Notícias mais lidas

Eridan Silva     

Ednaldo leite vamos se atualizar pq foi pago os salários

Edynaldo Leite     

Fim da linha, não pagamos ninguem conta de luz, marmitas, salarios dos pé de ratos estamos devendo a tres treinadores e por ai vai

Kleber Vellenev     

É engraçado ; porquê com os outros clubes não acontece isso? O que à diretoria está fazendo com o dinheiro que entra?

Kleber Vellenev     

Nossa? O clube está no fundo do poço, todo dia aparece um para afundar o clube ainda mais!

Vanderlei Assis     

Se as coisas continuarem assim vamos acabar virando uma portuguesa falida

Vanderlei Assis     

E coisa vai ficar pior pq estes candidatos a presidência nenhum e capaz de fazer as coisas certas ..

Vanderlei Assis     

Tudo isso por causa desta de diretoria so tem safado

Jose Marcelo     

O Corinthians tem total condições de quitar tudo aos poucos, infelizmente sempre temos uma diretoria bandida e amadora

Bene Cavalcante     

Eu só tenho uma pergunta! O Corinthians não paga ninguém?

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias

Próximo Jogo - Brasileiro

Qui - 21:00 - Neo Química Arena - Premiere
Corinthians
Sport

Último jogo - Brasileiro

Seg - 19:00 - Allianz Parque
Palmeiras
4 0
Corinthians
Untitled Document
Classificação
1 São Paulo
2 Internacional
3 Atletico-MG
4 Flamengo
5 Palmeiras
6 Grêmio
7 Fluminense
8 Santos
9 Corinthians
10 Atletico Paranaense
11 Ceará
12 Bragantino
13 Atletico Goianiense
14 Sport Recife
15 Vasco DA Gama
16 Fortaleza EC
17 Bahia
18 Goiás
19 Coritiba
20 Botafogo
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
57 30 16 9 5 50 28 22 VVDDE
56 30 16 8 6 48 28 20 VVVVV
53 29 16 5 8 51 37 14 VDVEV
52 29 15 7 7 50 39 11 VEDDV
51 29 14 9 6 43 26 17 DVVEV
50 29 12 14 3 38 24 14 EVVEE
46 30 13 7 10 40 37 3 DDVDV
45 29 12 9 8 41 36 5 DDEVV
42 29 11 9 9 35 34 1 VVVVD
39 30 11 6 13 27 29 -2 VVVEE
39 30 10 9 11 41 41 0 VEDVD
38 30 9 11 10 39 36 3 DDVEV
36 30 8 12 10 27 36 -9 VDEED
32 30 9 5 16 24 38 -14 EDVDD
32 29 8 8 13 29 40 -11 VDEVD
32 30 7 11 12 26 30 -4 DEDED
29 29 8 5 16 35 51 -16 DDDDE
26 30 6 8 16 29 47 -18 DVVDD
25 30 6 7 17 23 39 -16 DDDEV
23 30 4 11 15 26 46 -20 VDDDD
Libertadores Pré-Libertadores Sul-Americana Rebaixados
vitoria empate derrota
Untitled Document
Classificação
1 Bragantino
2 Corinthians
3 Guarani Campinas
4 Ferroviária
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
23 12 7 2 3 18 9 9 VVVVV
17 12 4 5 3 15 10 5 EEEVV
16 12 4 4 4 16 14 2 EVVDD
15 12 3 6 3 13 9 4 VEEEV
Untitled Document
Classificação
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS