22/1/2020 17:00

COMENTE: O que você acha de Cássio ter a obrigação de jogar com os pés no Timão?

O goleiro já declarou que está se adaptando a nova função

Foto: Divulgação

Tiago Nunes pediu e o Corinthians contratou Marcelo Carpes para ser preparador de goleiros da equipe principal. A missão de Carpes é fazer Cássio ter condições de participar mais do jogo, com os pés. Os primeiros trabalhos já surtiram efeito e o goleiro fala até com empolgação sobre uma situação que até pouco tempo não lhe era tão confortável.

LEIA TAMBÉM: TWEETS: Tiago Nunes tem que deixar Boselli na titularidade do Corinthians em 2020?



“Tem que ter opção de jogo, me dar a bola e abrir duas ou três opções, até para confundir. Nos EUA, teve um lance que o atacante até desistiu de marcar. Dá linha de passe, um ajuda o outro. Estou muito feliz nesta evolução, estou olhando bastante vídeos do treino, vídeos no Youtube. A gente pode evoluir vendo lances positivos de outros e erros também. Tendo linha de passe e jogador aparecendo para jogar, vai facilitar para mim”, explicou.

“Fico feliz de fazer parte desta nova etapa. No começo você fica tímido, mas depois quer que o jogador toque para você, para você participar. Não vai ser do dia para noite, mas a gente acredita muito que vai dar certo”.

Antes mesmo da chegada de Tiago Nunes e Marcelo Carpes, Cássio já estava preocupado e buscando aperfeiçoamento.

“Tiago e Marcelo conversaram comigo, jogar e ter opção de jogar. Conversei muito depois da Copa América e na Copa do Mundo com Éderson e Alisson, que têm evoluído muito. Tem um jogo que Alisson deu um lançamento fenomenal agora. E o Éderson com o pé é um dos melhores do mundo. E eles comentam, que mesmo tendo a capacidade de jogar com os pés, a maneira do time jogar ajuda muito”.

Em 2019, o goleiro ídolo do Timão jogou 42 partidas e sofreu 36 gols, sendo que ficou 19 jogos sem sofrer gols na meta alvinegra.

E você, concorda com a ideia de Cássio jogar com os pés?


Cássio, Timão, Tiago Nunes, Corinthians, 2020



LEIA TAMBÉM: Corinthians teve as contas bloqueadas em de R$ 500 mil em ação de Marcelo Mattos

LEIA TAMBÉM: Cúpula do conselho corintiano vê desrespeito ao órgão em ação contra Andrés

LEIA TAMBÉM: Discussão no telefone, briga aberta e até o Corinthians: como futuro de Tévez virou novela


1818 visitas - Fonte: tudotimao.com.br

Mais notícias do Corinthians

Notícias de contratações do Timão
Notícias mais lidas

Flavio Bazilius     

Tanto faz jogar com as mãos ou com os pés o Cássio será sempre o melhor jogador da história do timão

Normal e Excelente pra ele e pra nós!!!

Altissimo risco de tomar gols se ele for pressionado. Os adversários vão empurrar a bola pro Cássio pra tentar roubar e fazer gol. No entanto, será muito bom qualquer evolução do Cássio neste sentido.

Se o cara sabe blz agora se vai ter que aprender ai vai da ruim

Heber Bareto     

Perigosíssimo...

Samuel Henrique     

É MUITO BOM COM OS PÉS E A MAÕS

Itamar Gomes     

nossa maior alegria ô Cássio deu com defesas com as mãos não com ós pés Cássio tamo junto ??????

Marciel Machado     

Eu concordo goleiro como o cassio tem que aprender jogar com os pe tambem

Paulo Moreira     

Desde pequeno sempre vi otimos goleiros jogando com os pés. Zetti. Ronaldo. Rogerio ceni. E muitos outros. Cara....jogador de futebol soh faz isso na vida e acho q tem q jogar com os pés sim e ja vi defesas enormes feitas com os pés tb como goleiro de futsal faz e muitos penaltis defendidos com os pés. Acho otimo q o cassio treine muito pra jogar com os pés e se ele melhorar esse fundamento sera o melhor goleiro do mundo. De novo kkkk

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias

Próximo Jogo - Paulista

Dom - 16:00 - Arena Corinthians - Globo
Corinthians
Palmeiras

Último jogo - Paulista

Dom - 16:00 - Arena Corinthians
Corinthians
1 1
Ituano
Untitled Document
Classificação
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
Libertadores Pré-Libertadores Sul-Americana Rebaixados
vitoria empate derrota