22/12/2014 13:39

Corinthians força Ralf a aceitar proposta da China

Um dos maiores ídolos da torcida do Corinthians, Ralf está sendo fritado pela própria diretoria, como já ocorreu com Liedson e Chicão. No sábado, o volante admitiu a amigos que o clube lhe deve R$ 4 milhões. Pior: ele foi avisado que só receberá esse dinheiro se aceitar uma transferência para o exterior.

A revelação foi feita durante partida beneficente em Ipaussu, cidade no interior do estado de São Paulo — toda a arrecadação foi revertida para a Apae local. Por coincidência, Cristian, provável substituto de Ralf no Corinthians, também jogou.

Após a pelada, houve um churrasco entre jogadores, familiares e organizadores do evento. Foi nessa hora que o pai de Ralf assegurou que o camisa 5 irá para a China.

A dívida do Timão com Ralf, revelada pelo Blog em 17 de outubro, tem a ver com uma série de pendências. O clube comprou parte dos direitos econômicos do volante, mas pagou apenas a primeira parcela, restando pouco mais de R$ 1,9 milhão.

Para completar, ainda deve prêmios por títulos da temporada passada e pela classificação para a Libertadores de 2015, conquistada com o quarto lugar no Brasileirão que terminou no início do mês.

Os ausentes - Organizadores do jogo em Ipaussu haviam prometido para o público local que os alvinegros Cássio e Malcom estariam entre as atrações na manhã de sábado. O goleiro e o atacante, porém, não apareceram.

Olheiro do Corinthians desde 2008, Mauro da Silva foi o dono da festa em Ipaussu. Ele nasceu na cidade e é quem costuma organizar o jogo, realizado sempre em dezembro.

253686 visitas - Fonte: Blog Jorge Nicola

Mais notícias do Corinthians

Notícias de contratações do Timão
Notícias mais lidas

Não da pra entender Ralf e o verdadeiro carregador de piano como dizem por ai.desfazer de um jogador assim as vésperas de uma Libertadores

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias