8/1/2020 17:22

Ralf, Jadson e Renê Júnior fora dos planos; confira o que muda no Timão com essas saídas

A apresentação do técnico Tiago Nunes nesta segunda-feira foi também o anúncio da despedida de dois ídolos da torcida do Corinthians. O volante Ralf e o meia Jadson estão fora dos planos do novo treinador e não se reapresentaram com o restante do elenco no CT Joaquim Grava, em São Paulo.



LEIA TAMBÉM: QUEM É TIAGO NUNES? O NOVO TREINADOR DO CORINTHIANS QUE JÁ CHEGOU POLÊMICO - RUDNEY RODRIGUES


A opção por ele não permanecer é por características”, disse Tiago Nunes em sua apresentação oficial como treinador do Corinthians para 2020. O novo comandante se referia ao volante Ralf, um dos maiores ídolos da história do clube, que apesar de ter renovado o contrato até o fim deste ano, não seguirá mais no clube para a temporada.

A notícia pegou os torcedores de surpresa, os quais sempre foram gratos pela participação do jogador ao longo de títulos históricos de Brasileirão, Libertadores e Mundial, e foi o primeiro grande sinal da intenção de Tiago Nunes para seu primeiro ano em Parque São Jorge: mudar o estilo de jogo do time, saindo do foco mais defensivo, dependente dos contra-ataques, para um modelo de maior domínio para ter a bola.

Ralf foi o meio-campista mais recuado de um Corinthians que, nos últimos anos, tinha a solidez defensiva como grande força. Seus méritos para os títulos históricos conquistados estão além de qualquer suspeita, mas sua característica de jogo, assim como os 35 anos, decretaram a despedida.

Foco quase total em perseguir o adversário para roubar a bola, pouca participação no passe e chegadas raras ao campo de ataque. Este é um rápido resumo do estilo de jogo do volante. Um estilo que não se encaixa, especialmente por causa das ações com a bola nos pés, com o Corinthians de Tiago Nunes.

E não é apenas Ralf que irá se despedir. Boa parte das peças do meio-campo de 2019 não seguirá no Corinthians em 2020: Junior Urso foi negociado com o Orlando City (EUA), Sornoza foi emprestado para a LDU (Equador), Renê Júnior seguiu rumo ao Coritiba e Clayson foi para o Bahia. Aos 36 anos, Jadson não tem mais o físico que, na opinião da nova comissão técnica, é necessário para o novo estilo de futebol.

Já Renê Júnior, oficializado hoje como novo reforço do Coxa, não conseguiu engrenar no Corinthians e conviveu com lesões nessa temporada. O último jogo dele foi em julho de 2018. São 13 jogos em duas temporadas no Timão.

A reposição dos meias mais criativos veio à tona com a chegada de Luan junto ao Grêmio, aliado à responsabilidade maior sobre os ombros de Pedrinho para a campanha que terá início. Mas se o meio-campo é o setor chave para ditar o futebol de posse de bola aliado à intensidade, que é a forma com a qual Tiago Nunes gosta de aplicar suas ideias, a saída de Ralf é o fator mais emblemático na construção deste novo Corinthians.



Ralf, de 35 anos, está em sua segunda passagem pelo Corinthians. No total, tem 419 jogos com a camisa alvinegra, nove gols e oito títulos, entre eles a Copa Libertadores e o Mundial de Clubes da Fifa, ambos em 2012. Jadson, de 36 anos, também está em sua segunda passagem, atuou pelo clube em 230 partidas e fez 50 gols. Ele é tricampeão paulista e bicampeão brasileiro. Ambos têm contratos com o time alvinegro até o final deste ano.


Corinthians, Mercado da bola, Tiago Nunes, Ralf, Jadson, Renê Júnior, 2020




PALMEIRAS CAMPEÃO MUNDIAL? SÃO PAULO CAMPEÃO DA COPA DO BRASIL? PALPITES PARA O ANO DE 2020

LEIA TAMBÉM: Andrés Sanchez diz que o Corinthians ‘nunca conversou com o Rony’ e garante: “Não tem nada”

LEIA TAMBÉM: COMENTE: O Corinthians fez certo em rescindir o contrato do ídolo Ralf?

LEIA TAMBÉM: Rizek analisa melhora alvinegra, mas acha improvável Corinthians disputar título brasileiro



1299 visitas - Fonte: Tudotimao.com.br

Mais notícias do Corinthians

Notícias de contratações do Timão
Notícias mais lidas

Kleber Vellenev     

Ralf não podia sair de jeito nenhum!

Paulo Moreira     

Querem mais o q o carille fez com zidanilo q so TINHA mais um ano de contrato e tb fez isso. Falta muita inteligencia pra quem dirige o timão.

Guto Trashtoxic     

O treinador está correto, quem vai escalar o time é ele, reconhecimento deve ser prestado pela diretoria, que tem se mosrrado bem incompetente, agora querer jogar a culpa no técnico que chegou pra mudar as coisas...Eu apoio Thiago Nunes.

Diretoria fraca , pois já mais poderia ter feito isso com Ralf. Tinha que deixar ele ficar no clube até o final do ano , fazer uma bela despedida era o certo! Mais como sempre a diretoria nunca consegue fazer despedida decente para os seus jogadores, que se aposentarão no clube . Isso é uma vergonha ,o que Richard fez para volta para Corinthians e ter uma oportunidade ? So treinador que nem fez um jogo ainda no Corinthians para achar que ele merece ! Parabéns diretoria fraca .

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias

Próximo Jogo - Paulista

Dom - 19:00 - Estádio José Maria de Campos Maia - Premiere
Mirassol
Corinthians

Último jogo - Paulista

Qui - 21:30 - Arena Corinthians
Corinthians
4 1
Botafogo-SP
Untitled Document
Classificação
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
Libertadores Pré-Libertadores Sul-Americana Rebaixados
vitoria empate derrota