11/10/2019 13:37

Carille e Tite: De exaltados para criticados no futebol. Entenda

Apesar da entrega nos resultados, espera-se mais dos times comandados pelos treinadores
Tite mudou a história do Corinthians, conquistou títulos e o status por ele atingido o levou para a seleção brasileira. No Timão, Fábio Carille foi o seu grande sucessor e também aumentou o número de peças no museu de taças do clube. Outra coincidência está calcada no estilo de jogo do time, pragmático, quase sempre tendo na defesa a sua principal força, e no momento atual vivido por ambos: tanto um quanto outro hoje têm o trabalho questionado.


O Corinthians de Carille, por exemplo, ocupa a quarta posição na tabela do Brasileirão, longe da disputa por títulos e na última quinta-feira (10) precisou de um esforço hercúleo para, com duas jogadas de bola parada, empatar por 2 a 2 com o Athletico-PR dentro de Itaquera.


Em uma noite onde a tão aclamada solidez defensiva não funcionou, o ponto conquistado foi lucro especialmente pelo desempenho apresentado pelo time. Esta necessidade de melhorar a forma de jogar tem sido reconhecida, desde o início do ano, mas a equipe segue deixando a desejar na forma que trata a bola e o comandante culpa a falta de peças melhores especialmente em seu setor criativo.

Carille culpa falta de peças

Pela organização do Brasileiro, acho que devemos terminar em 3º, 4º ou 5º. Mas, pelo que estamos jogando, não”, disse Carille após o empate com o Athletico. “É como eu sempre digo, são muitos jogadores novos trabalhando comigo. Requer tempo. Mas isso também mostra o que é necessário para o Corinthians ser mais forte. Situação do clube não é boa, queremos um jogador definidor, mas jogadores qualificados, que resolve, não são muitos. Para comprá-los, é preciso dinheiro”.

Ainda na Arena Corinthians, o diretor de futebol do clube, Duílio Monteiro Alves, falou que o Corinthians não teve dinheiro para fazer mais contratações especificamente para o setor ofensivo. No início da temporada, o Timão chegou a sondar nomes como Gabigol (hoje no Flamengo), Rodriguinho (que acabou se acertando com o Cruzeiro) e Roger Guedes (que segue na China).

“O problema foi dinheiro. Os valores oferecidos pelo clube e o tempo de contrato não encaixaram e a gente entendeu que não foi possível. Faltou dinheiro”, disse o dirigente.

Tite insiste com peças

A situação com Tite é diferente, afinal de contas na seleção brasileira o que não faltam são boas opções. Entretanto, o comandante segue a demonstrar insistência exagerada com algumas destas peças.

O principal é Philippe Coutinho. Apesar de estar recuperando o seu melhor futebol no Bayern de Munique, na seleção o meia não consegue render o seu melhor pelo Brasil. Mesmo que tenha participado no gol marcado por Roberto Firmino, no empate por 1 a 1 com Senegal, o problema envolvendo Coutinho é o desenho da equipe de Tite: a ponta-esquerda é de Neymar, e Firmino tem como característica recuar muito para o setor de criação, entrelinhas, como se fosse um “Falso 10”. Philippe atinge o seu melhor justamente da meia para a ponta-esquerda.

Além disso, as exibições recentes não estão agradando. Desde o título da Copa América, em três jogos foram dois empates e uma derrota. Tite reconheceu o desempenho abaixo do esperado especialmente contra Senegal: “Esteve abaixo do seu padrão técnico, do padrão normal competitivo”, disse.



LEIA TAMBÉM: Tiago Nunes tem a missão de reavaliar "renegados" de Carille, em 2020

LEIA TAMBÉM: [ENQUETE] Fora dos planos do Cruzeiro para 2020, o Corinthians deveria comprar o zagueiro Manoel em definitivo?

LEIA TAMBÉM: Zé Elias debate sobre Thiago Neves no Timão: "Não serve para o Corinthians"



798 visitas - Fonte: -

Mais notícias do Corinthians

Notícias de contratações do Timão
Notícias mais lidas

Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias

Próximo Jogo - Campeonato Brasileirão

Dom - 18:00 - Arena Corinthians - Globo/Premiere
Corinthians
Internacional

Último jogo - Brasileiro

Sáb - 19:00 - Pacaembu - SP
Palmeiras
1 1
Corinthians
Untitled Document
Classificação
1 Flamengo
2 Palmeiras
3 Santos
4 Grêmio
5 São Paulo
6 Atletico Paranaense
7 Internacional
8 Corinthians
9 Bahia
10 Vasco DA Gama
11 Goiás
12 Atletico-MG
13 Fortaleza EC
14 Botafogo
15 Ceará
16 Cruzeiro
17 Fluminense
18 CSA
19 Chapecoense-sc
20 Avai
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
78 33 24 6 3 72 30 42 EVVVE
67 32 19 10 3 51 24 27 VVVVE
65 33 19 8 6 49 29 20 VVVVE
56 32 16 8 8 55 32 23 VVVVV
53 33 14 11 8 33 24 9 DVDDE
50 32 14 8 10 45 31 14 VEVEV
49 32 14 7 11 37 32 5 VEDDV
49 32 12 13 7 36 29 7 EDDVE
43 32 11 10 11 35 33 2 DDEED
43 33 11 10 12 35 41 -6 DEDVE
42 32 12 6 14 34 50 -16 DEVDD
40 32 11 7 14 38 43 -5 DDEVE
39 32 11 6 15 39 44 -5 EVEDV
36 32 11 3 18 28 40 -12 DDDDV
36 32 10 6 16 32 32 0 EVDVD
35 32 7 14 11 26 36 -10 EVEEE
34 32 9 7 16 32 43 -11 EDEVD
29 32 7 8 17 21 47 -26 DVDDD
22 32 4 10 18 25 48 -23 EVDED
17 32 3 8 21 16 51 -35 DDDDD
Libertadores Pré-Libertadores Sul-Americana Rebaixados
vitoria empate derrota