11/10/2019 10:18

Patrocínios digitais ainda não renderam aos clubes brasileiros lucros estimados

Sete times da Série A têm para 2019 patrocínios com bancos digitais. E, em todos os casos, há bônus previstos nos contratos de acordo com o número de contas abertas pelos torcedores, além da utilização de cheque especial, depósitos, empréstimos... Mas todas as previsões otimistas de Flamengo, Corinthians, São Paulo, Vasco, Atlético-MG, Cruzeiro e Athletico Paranaense, pelo menos até agora, não vingaram.


É importante destacar que todos os departamentos de marketing dos sete clubes não abrem de forma oficial os números de novos correntistas, tampouco as movimentações financeiras criadas a partir de suas torcidas. Mas o Blog apurou alguns valores e outros indícios reforçando que as rendas variáveis serão pequenas.

O Corinthians, por exemplo, pretende transformar 200 mil torcedores em correntistas no Banco BMG para sonhar com a possibilidade de dobrar os R$ 12 milhões fixos garantidos no contrato. Porém, quase dez meses depois do anúncio do parceiro, são pouco mais de 20 mil contas criadas.

Já o Flamengo embolsou R$ 30,7 milhões com patrocínios no primeiro semestre de 2019, contra R$ 40,1 milhões do mesmo período de 2018. Vale lembrar que a Caixa bancava R$ 25 milhões por temporada ao Flamengo enquanto patrocinadora. Já o Banco BS2, que estampa sua marca desde janeiro, pagará R$ 15 milhões por ano fixos e outros R$ 10 por cada conta aberta.

Os quase R$ 10 milhões a menos de receita com publicidade em apenas seis meses revelam a perda de dinheiro com o patrocínio máster na comparação com 2018.

Mas o caso mais assustador é do Cruzeiro, aquele com metas mais ousadas ou irreais. A diretoria projetou a abertura de um milhão de contas no Banco Digi+. Porém, a péssima fase do time em campo - seria rebaixado se o Brasileirão terminasse hoje - atrelada a uma série de escândalos administrativos fizeram a receita variável não alcançar ainda R$ 1 milhão desde janeiro - o fixo da Raposa é de R$ 9 milhões.

O rival Atlético-MG fez projeções mais realistas, porém é outra “vítima” da falta de resultados esportivos e, por consequência, da adesão ao Banco BMG. Ao menos, tem R$ 9 milhões assegurados por temporada pelo contrato com o banco mineiro.

O Vasco conta hoje com uma das torcidas mais engajadas do país no projeto de construção de seu CT. No entanto, o mesmo não se aplica para a abertura de contas no BMG e o plus assegurado pelo dinheiro dos vascaínos no banco será tímido. Importante: o contrato entre as partes foi assinado por cinco anos, mas o BMG ou o Vasco podem solicitar a rescisão no fim de 2020.

Até lá, o Cruzmaltino tem assegurados R$ 8 milhões em 2019 e R$ 9,5 milhões em 2020 - a diferença se deve ao fato de o contrato só ter sido celebrado no terceiro mês deste ano.

O Athletico Paranaense conta com o mesmo parceiro do Cruzeiro, o Digi+, só que tem o contrato menos lucrativo. Não há um valor fixo que é pago mensalmente. Ou seja, o Furacão depende única e exclusivamente dos variáveis, pagos seguindo o mesmo modelo dos demais.

Por fim, o sétimo clube brasileiro patrocinado por um banco digital é o São Paulo, cuja parceria é a mais antiga: desde março de 2017. O Banco Inter não parece ter motivos para reclamar, já que saltou de 200 mil correntistas para pouco mais de um milhão. Já o Tricolor, responsável por cerca de 1/4 desse movimento melhorou em R$ 3 milhões por ano seu contrato. O valor fixo é de R$ 14 milhões, mas entrarão em 2019 nos cofres do clube R$ 17 milhões.

OS VALORES FIXOS DOS CONTRATOS:
Flamengo: R$ 15 milhões (Banco BS2)
São Paulo: R$ 14 milhões* (Inter)
Corinthians: R$ 12 milhões (BMG)
Atlético-MG: R$ 9 milhões (BMG)
Cruzeiro: R$ 9 milhões* (Digi+)
Vasco: R$ 8 milhões (BMG)
Athletico Paranaense: sem valor fixo (Digi+)

* o Tricolor ainda receberá R$ 3 milhões de variáveis



LEIA TAMBÉM: Tiago Nunes tem a missão de reavaliar "renegados" de Carille, em 2020

LEIA TAMBÉM: [ENQUETE] Fora dos planos do Cruzeiro para 2020, o Corinthians deveria comprar o zagueiro Manoel em definitivo?

LEIA TAMBÉM: Zé Elias debate sobre Thiago Neves no Timão: "Não serve para o Corinthians"



978 visitas - Fonte: Jorge Nicola

Mais notícias do Corinthians

Notícias de contratações do Timão
Notícias mais lidas

Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias

Próximo Jogo - Campeonato Brasileirão

Dom - 18:00 - Arena Corinthians - Globo/Premiere
Corinthians
Internacional

Último jogo - Brasileiro

Sáb - 19:00 - Pacaembu - SP
Palmeiras
1 1
Corinthians
Untitled Document
Classificação
1 Flamengo
2 Palmeiras
3 Santos
4 Grêmio
5 São Paulo
6 Atletico Paranaense
7 Internacional
8 Corinthians
9 Bahia
10 Vasco DA Gama
11 Goiás
12 Atletico-MG
13 Fortaleza EC
14 Botafogo
15 Ceará
16 Cruzeiro
17 Fluminense
18 CSA
19 Chapecoense-sc
20 Avai
P J V E D GP GC SG ÚLT. JOGOS
78 33 24 6 3 72 30 42 EVVVE
67 32 19 10 3 51 24 27 VVVVE
65 33 19 8 6 49 29 20 VVVVE
56 32 16 8 8 55 32 23 VVVVV
53 33 14 11 8 33 24 9 DVDDE
50 32 14 8 10 45 31 14 VEVEV
49 32 14 7 11 37 32 5 VEDDV
49 32 12 13 7 36 29 7 EDDVE
43 32 11 10 11 35 33 2 DDEED
43 33 11 10 12 35 41 -6 DEDVE
42 32 12 6 14 34 50 -16 DEVDD
40 32 11 7 14 38 43 -5 DDEVE
39 32 11 6 15 39 44 -5 EVEDV
36 32 11 3 18 28 40 -12 DDDDV
36 32 10 6 16 32 32 0 EVDVD
35 32 7 14 11 26 36 -10 EVEEE
34 32 9 7 16 32 43 -11 EDEVD
29 32 7 8 17 21 47 -26 DVDDD
22 32 4 10 18 25 48 -23 EVDED
17 32 3 8 21 16 51 -35 DDDDD
Libertadores Pré-Libertadores Sul-Americana Rebaixados
vitoria empate derrota