14/4/2019 10:10

Ex-SP cobra Corinthians por homenagem a Wladimir: Não adianta após morte

Wladimir defendeu o Corinthians em 805 jogos e é dono do posto de jogador com mais aparições com a camisa do clube alvinegro. Para Gabriel, ex-lateral-direito do São Paulo e filho do ídolo corintiano, a vasta história não foi traduzida em homenagens por parte da diretoria alvinegra.



"Nunca fizeram uma homenagem decente. Eu falei para os caras lá, vão fazer alguma coisa para ele depois que ele morrer? Depois não precisa. Não colocaram nada no CT. É uma piada, tem de ser em vida", disse Gabriel em entrevista ao UOL Esporte.



O centro de treinamento do Corinthians leva o nome de Joaquim Grava, que é consultor médico do clube. Os campos do local foram batizados com os nomes de Neto, Cláudio, Rivellino e Ronaldo Giovanelli. No Parque São Jorge, há seis bustos, de Rivellino, Cláudio, Baltazar, Luizinho, Sócrates e Neco.

Wladimir estreou pelo Corinthians em 1972 e jogou as 13 temporadas seguintes como titular. O ex-lateral-esquerdo conquistou quatro títulos paulistas, em 1977, 1979, 1982 e 1983. Depois de deixar o clube no fim de 1985, o ídolo voltou a vestir a camisa alvinegra em 1987.

"Eu acho que tinha que entregar uma placa pra ele, um busto. Ele é o cara que mais jogou pelo Corinthians e não vai ter outro que vai jogar. Eu penso que hoje ele é o maior ídolo vivo no Corinthians. Se você falar a seleção do Corinthians de todos os tempos, ele entra em todas, ele entra na de todos os jornalistas", afirmou Gabriel.

O ex-lateral citou ainda uma conversa com Emerson Sheik sobre o assunto. Segundo ele, o atual coordenador de futebol do Corinthians concordou que é preciso fazer uma homenagem a Wladimir devido ao histórico de jogos pelo clube e o protagonismo.

A reportagem do UOL Esporte tentou contato telefônico com Sheik, mas não obteve retorno. A apuração da reportagem apontou também que a escolha de Gabriel pelo São Paulo no começo da carreira ainda não foi digerida pela diretoria corintiana, pois a estrutura são-paulina foi determinante para a decisão. E isso teria feito o Corinthians adiar os planos.

Wladimir tem 64 anos e, de acordo com Gabriel, e se mantém ativo em relação às atividades. "O físico dele continua ótimo, ele treina todos os dias. Tinha dia que eu não conseguia acompanhar ele na corrida, ele joga futebol sempre que pode. Só é teimoso, não gosta de tomar remédio [risos]", contou o ex-são-paulino.



Corinthians, timão, Wladimir



VEJA: Clique aqui e veja as promoções que a Network BG preparou para você acompanhar todos os jogos do Corinthians da temporada


LEIA TAMBÉM: Diretor do Corinthians tem cautela sobre acerto com o zagueiro Gil

LEIA TAMBÉM: [COMENTE] Quais foram os erros do técnico Fábio Carille na derrota de ontem?

LEIA TAMBÉM: Folga, treinos e amistosos: veja como o Corinthians vai se preparar na pausa para Copa América

Clique aqui e confira séries, comentários, filmes e tudo sobre futebol! Teste agora!<\a>

747 visitas - Fonte: UOL

Mais notícias do Corinthians

Notícias de contratações do Timão
Notícias mais lidas

Acho que tem que prestar essa homenagem sim ele foi fantástico como jogador e pessoalmente também jogava demais vestir esta camisa por tantos anos seguidos e como titularissimo foi inédito o melhor lateral que vi jogar de todos os tempos........

Dan Carvalho     

Acho que o Wladimir merece sim uma grande homenagem por parte do Corinthians foi um excelente jogador e uma pessoa do bem. Quanto a rusga em relação ao filho, o Corinthians não precisa se preocupar pois nem sempre funciona a tese que diz "Tal pai tal filho".

Carlos Parafuso     

O Wladimir é um ícone de uma geração de torcedores sangue nos olhos... Não merece só o busto e sim uma estátua corpo inteiro... Símbolo de raça e humildade... Façam esta estátua na enttada do parque São Jorge como indicação de SEJAM BEM VINDOS A NAÇÃO ou na entrada da ARENA DA NAÇÃO CORINTIANA....

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias