8/2/2019 15:16

CBF publica nota de pesar por incêndio no Ninho do Urubu e decreta minuto de silêncio em jogos

Após o incêndio que ocorreu nesta sexta-feira no CT do Flamengo, a CBF (Confederação Brasileira de Futebol) publicou nota de pesar lamentando o ocorrido.



LEIA TAMBÉM:Artilheiro, Gustavo fala de parceria com Love e presta solidariedade ao Flamengo

"A tragédia causada pelo incêndio no Centro de Treinamentos do Clube de Regatas do Flamengo atinge, profundamente, a todos no futebol brasileiro. A perda é imensurável. Todas as vítimas são pessoas que investiram suas vidas e esperanças no futebol. Cada uma dessas vidas é preciosa e insubstituível", escreveu a entidade.

"O futebol brasileiro está de luto. A CBF se une em solidariedade e orações às famílias das vítimas e ao Flamengo, neste momento de enorme tristeza. Que todos tenham muita força para ultrapassar este momento trágico, que interrompeu sonhos de protagonismo nos gramados e fora deles", acrescentou.

O órgão ainda decretou que todas as partidas que forem realizadas pelos Estaduais neste final de semana terão um minuto de silêncio em homenagem às vítimas da tragédia.

"Todas as partidas de competições organizadas pela CBF terão um minuto de silêncio, na próxima rodada, em homenagem às vítimas. A seleção brasileira sub-20 entrará em campo, na rodada final do Sul-Americano da categoria, usando luto nos uniformes. As bandeiras da sede da CBF serão mantidas a meio-mastro, durante o luto oficial decretado pelas autoridades", alertou.

Mais cedo, a Ferj (Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro) também cancelou os jogos de futebol que aconteceriam neste final de semana, pelas semifinais da Taça Guanabara (1º turno do Campeonato Carioca).

A entidade declarou três dias de luto e suspendeu as partidas que ocorreriam entre Flamengo e Fluminense e Vasco e Resende.

Nenhum outro tipo de evento de futebol ocorrerá na capital fluminense.

Na Gávea, todas as atividades esportivas do clube rubro-negro também foram canceladas.

O fogo atingiu o local onde fica alojamento de jogadores das categorias de base do clube.



Douglas Henaut, tenente-coronel dos Bombeiros, confirmou que todos os mortos tinham entre 14 e 17 anos. A Polícia Civil agora fará a identificação dos jovens.

Entre os mortos, seis eram atletas (quatro jogadores do clube e dois que estavam em testes) e quatro funcionários.

Os três feridos no hospital são Cauan Emanuel Gomes Nunes, 14 anos; Francisco Diogo Bento Alves, 15; e Jonathan Cruz Ventura, 15.






Corinthians,Flamengo,Paulistão,Ninho do Urubu



VEJA: Clique aqui e veja as promoções que a Farelos Jurídicos preparou para você


LEIA TAMBÉM: Após triunfo contra o Botafogo, Fábio Carille faz análise da partida e do momento da equipe

LEIA TAMBÉM: Gil elogia elenco do Corinthians, mas ressalta: "difícil comparar com 2015"

LEIA TAMBÉM: [ENQUETE] Carlos Augusto ou Avelar: Quem é o seu lateral titular?

1338 visitas - Fonte: ESPN

Mais notícias do Corinthians

Notícias de contratações do Timão
Notícias mais lidas

Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias