9/8/2018 15:55

Corinthians não sabe o que é virar um mata-mata há quase 20 anos na libertadores

Foto: Reprodução/Internet

Para disputar as quartas de final da Copa Libertadores contra Palmeiras ou Cerro Porteño-PAR, o Corinthians terá que passar do Colo-Colo e lutar contra um tabu ruim do clube: vencer num mata-mata após perder o jogo de ida.

O Timão saiu atrás nove vezes após a fase de grupos (sete oitavas e duas quartas de final) e conseguiu a virada na segunda partida apenas um vez. E já faz bastante tempo, ano de 2000.



Naquela edição, o Corinthians que era comandado por Oswaldo de Oliveira, perdeu do Rosário Central na Argentina por 3 a 2.

No jogo de volta, disputado no Pacaembu, o Timão devolveu o mesmo placar: 3 a 2 - noite iluminada de Luizão, autor de dois gols -. Nos pênaltis, mesmo com Edu Gaspar perdendo a primeira cobrança, a equipe venceu por 4 a 3, com show do goleiro Dida.



Antes e depois dessa alegria no jogo de volta, apenas decepções aconteceram após perder o jogo de ida. Boca Juniors-ARG (1991 e 2013 , ambas nas oitavas), Grêmio (1996, quartas), Palmeiras (1999, quartas), River Plate-ARG (2003 e 2006, ambas nas oitavas), Flamengo (2010, oitavas) e Guarani-PAR (2015, oitavas). Esses foram os algozes que seguraram a vantagem na volta.

O Corinthians tem capacidade para devolver o placar contra o Colo-Colo, mas precisará ter cabeça no lugar e jogar o que sabe. A maldição está aí, precisamos driblá-la.

4332 visitas - Fonte: -

Mais notícias do Corinthians

Notícias de contratações do Timão
Notícias mais lidas

FAZEMOS DESBLOQUEIO DOS CANAIS PREMIERE TELECINE HBO COMBATE E CANAIS ADULTOS PARA ASSINANTES DE TV POR ASSINATURA DE QUALQUER LUGAR DO BRASIL E TAMBÉM REDUZIMOS O VALOR DA FATURA. SÓ PAGA DEPOIS QUE O SERVIÇO FOR FEITO WHATSAPP 11 962751796

Luis Paixao     

Sem garra não da mesmo...

Ainda mais com essa equipe e com um tecnico novo.

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias