13/6/2018 08:35

Partida diante do Bahia marca a saída de mais um heptacampeão brasileiro

Foto: Divulgação

O Corinthians vive às voltas com um iminente sumiço da base campeã brasileira no ano passado. Nesta noite, diante do Bahia, na Fonte Nova, mais uma peça importante daquela conquista dará adeus ao clube. Com a saída do volante Maycon, o time pode ver a consolidação de mais um desmanche de uma equipe vencedora.



Heptacampeão brasileiro em novembro passado, o Corinthians perdeu três jogadores do time-base deixar o clube após a conquista. O lateral esquerdo Guilherme Arana e o centroavante Jô foram vendidos depois da conquista, enquanto o zagueiro Pablo não renovou o contrato de empréstimo, tampouco foi comprado pela diretoria alvinegra.

Agora, após seis meses, o desmanche pode ser virar realidade de vez. Já é certo que Maycon não continuará e se despedirá diante do time baiano. O volante de 20 anos, acertado com o Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, até chorou no último sábado, depois do empate com o Vitória, no seu último jogo na Arena Corinthians.

Outro que deve deixar o clube é Balbuena, que dificilmente voltará depois da Copa do Mundo. Questionado sobre o retorno nos últimos dias, o jogador paraguaio não cravou que continuará na equipe em agosto. De acordo com apuração do UOL Esporte, o agente do atleta desembarcou em Lisba nesta terça-feira a fim de fazer um 'leilão' entre Sporting e Benfica.

A diretoria do corinthians acredita ainda que Rodriguinho e Romero podem receber propostas durante a janela de transferências. Com quatro perdas do time campeão brasileiro já consumadas, o clube corre o risco de perder até sete atletas daquela equipe. Nesse cenário, apenas Cássio, Fagner, Gabriel e Jadson continuariam no elenco - Clayson, titular na reta final da campanha vitoriosa, também.

Há dois anos e meio, o Corinthians também sofreu com as perdas de jogadores do time campeão brasileiro. O zagueiro Gil, o volante Ralf, os meias Renato Augusto e Jadson, além dos atacantes Malcom e Vagner Love, foram vendidos logo após a conquista. Depois, Felipe e Elias seguiram o mesmo caminho, assim como Tite, que deixou o clube em junho rumo à seleção brasileira.

Alçado ao cargo de treinador depois de outra saída, a do técnico Fábio Carille, Osmar Loss minimizou a situação, já que ele considera que o elenco estará mais forte na comparação com o que ele tem à disposição hoje.

O time corintiano entrará em campo contra o Bahia com oito desfalques: Cássio, Fagner, Balbuena e Romero estão com suas respectivas seleções, enquanto Ralf, Renê Júnior, Clayson e Jadson se recuperam de problemas físicos.

"Esperamos que sejam as menores perdas possíveis. O drama vai ser nos preocuparmos com possíveis saídas enquanto estivermos treinando. Sei que independentemente de sair dois ou três jogadores teremos um grupo reforçado, porque nossas perdas nessa fase foram muito grandes. A grande maioria jogadores que eram titulares antes de saírem", disse Loss.

O Corinthians soma 16 pontos depois de 11 rodadas disputadas no Campeonato Brasileiro, ocupando a nona colocação. A equipe alvinegra perdeu duas partidas, empatou outras duas e venceu apenas uma vez com Loss no comando do time na competição.

10158 visitas - Fonte: UOL

Mais notícias do Corinthians

Notícias de contratações do Timão
Notícias mais lidas

Gilson Alves     

Tinham que tentar segurar, o moleque é muito bom..vai fazer falta mas se iam vender tinha que ser valorizado

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias