24/2/2018 08:30

Corinthians e Palmeiras estão diferentes do último Dérbi: veja o que mudou em 2018

Rivais se enfrentaram em Itaquera em novembro, em disputa pelo título brasileiro

Foto: infoesporte

Os dois maiores rivais do futebol paulista se enfrentaram pela última vez em 5 de novembro, quando o Corinthians venceu o Palmeiras e caminhou para a conquista do título brasileiro. Pouco mais de três meses depois, eles voltam a se encontrar em Itaquera, neste sábado, às 17 horas (de Brasília), pelo Paulistão, com times diferentes.



O campeão brasileiro mudou menos, mas também tem diferenças em relação ao último Dérbi, como a ausência do artilheiro Jô, negociado com o futebol japonês. O vice-campeão, agora treinado por Roger Machado, está remodelado, nem tanto pela chegada de novas peças, mas principalmente pelo estilo de jogo.

Corinthians versão 2018
Apesar do título brasileiro, o Timão já contratou dez jogadores (o mais recente foi Sidcley, lateral-esquerdo do Atlético-PR, anunciado nesta sexta-feira). Mesmo tendo perdido importantes titulares, casos de Guilherme Arana, Pablo e Jô, a equipe manteve a base de 2017.

A REFERÊNCIA

O Corinthians perdeu não só o seu artilheiro na última temporada e uma das principais referências do elenco, mas também uma peça fundamental em seu modelo de jogo. Jô era importantíssimo no esquema do técnico Fábio Carille, brigando pela primeira bola (na maioria das vezes lançada por Cássio), ajudando a reter a bola no ataque, fazendo pivô, marcando nas jogadas de bola parada...

Para dificultar ainda mais a vida do técnico Fábio Carille, o Corinthians ainda não conseguiu contratar um centroavante. Quem vinha quebrando o galho é Júnior Dutra, que prefere atuar aberto pelas pontas e não como referência do ataque.

Mas Fábio Carille entendeu que era preciso mudar para enfrentar o Palmeiras. Nesta sexta, o técnico do Corinthians disse que usará Ángel Romero como referência mais centralizada, com Jadson de volta ao time pela direita. Uma mudança e tanto. CLIQUE AQUI e veja como foi a coletiva do treinador corintiano.

ESQUEMA

A vitória do Corinthians por 3 a 2 contra o Palmeiras em novembro marcou as entradas de Camacho e Clayson no time titular do Corinthians. Com eles nas vagas de Maycon e Jadson, o Corinthians recuperou sua competitividade no 4-2-3-1.

Em vários jogos, porém, Carille passou o time para o 4-1-4-1, retornando Jadson na vaga de Camacho. Foi assim no jogo do título, quando o Timão fez 3 a 1 no Fluminense. Carille, ali, percebeu que Jadson renderia melhor por dentro.

Na virada do ano, o time passou a jogar no 4-1-4-1, com Jadson e Rodriguinho centralizados. O esquema se manteve assim até a derrota por 1 a 0 para o São Bento. Por conta dos tropeços, Carille retornou o time para o 4-2-3-1 na última partida.

Jadson, mais uma vez, perdeu espaço na equipe, mesmo tendo iniciado 2018 muito bem. A força defensiva do time, porém, se perdeu na mudança de esquema. Com um volante a menos, o time passou a sofrer mais gols. Agora, tenta corrigir isso. E com Jadson de volta!

TIME NO PAPEL

A escalação para o Dérbi deste sábado tem várias mudanças. O time deixará de ter um centroavante de ofício, Jadson retornará à equipe no meio, Renê Júnior acompanhará Gabriel na marcação e Maycon cuidará da lateral esquerda. O time, segundo Carille, terá: Cássio, Fagner, Balbuena, Henrique e Maycon; Gabriel, Renê Júnior, Jadson, Rodriguinho, Romero e Clayson.

Nesse esquema, Romero será o jogador mais centralizado, pela ideia de Carille. O desenho é o 4-2-3-1, sistema utilizado no título nacional do ano passado - e que foi substituído pelo 4-1-4-1 nesta temporada até a rodada passada.

Palmeiras versão 2018
A diretoria buscou menos reforços em comparação com anos anteriores – foram seis, sendo os meias Lucas Lima e Gustavo Scarpa os principais –, mas o Verdão é bem diferente em muitos sentidos. Dos nomes em si ao estilo de jogo, com marcação por zona e transição ofensiva com associações e passes em triangulações.


TÉCNICO

No último Dérbi, quem dirigia (interinamente) a equipe era o então auxiliar Alberto Valentim, hoje treinador do Botafogo. À época, ele havia conseguido diminuir a distância para a liderança, recolocando o Palmeiras na disputa do título brasileiro.

Mas, depois da derrota em Itaquera, que acabou com o sonho de tirar o rival da ponta, a diretoria definiu a contratação de Roger Machado. O novo comandante assistiu às duas rodadas finais e deu seu primeiro treino somente na pré-temporada deste ano.

ESQUEMA

Com Valentim, o Palmeiras atuava no 4-2-3-1, com um meia central e dois pontas abertos. Roger armou seu time na maioria das oito partidas no 4-1-4-1, com um só volante entre as duas linhas de quatro e dois meias por dentro. Mas também já variou o desenho para o esquema anterior quando julgou necessário ou quando não teve Felipe Melo.

JOGADA INICIAL

Desde os tempos de Marcelo Oliveira como técnico, em 2015, todos os treinadores que passaram pelo Palmeiras mantinham uma jogada ensaiada no apito inicial. A bola era rolada para trás, e jogadores mais altos (às vezes até zagueiros) corriam para o ataque para disputá-la pelo alto após longo lançamento do campo de defesa.

SAÍDA DE BOLA

Tanto no ano passado quando neste, não há chutões. A ordem é sair trocando passes. A diferença é na estratégia. Em 2017, Tchê Tchê geralmente se aproximava para receber e conduzir a bola até o campo de ataque, com apoio dos zagueiros, de outro volante e dos laterais. Em 2018, na maioria das vezes é feita a "saída de três", com Felipe Melo enfiado entre os dois zagueiros, e os laterais bem avançados no campo de ataque para ganhar terreno.

TIME NO PAPEL

A escalação no último Dérbi é bem diferente da equipe atual: Fernando Prass; Mayke, Mina, Edu Dracena e Egídio; Bruno Henrique e Tchê Tchê; Moisés, Keno e Dudu; Borja. Desses 11, apenas três devem ser titulares neste sábado: Tchê Tchê, Dudu e Borja.

2712 visitas - Fonte: Globoesporte.com

Mais notícias do Corinthians

Notícias de contratações do Timão
Notícias mais lidas

VAI CORINTHIANS!!!!!

espero que ele já jogue contra o Santos.

Estou aguardando a chegada dele

VOCÊ QUE ESTÁ CANSADO DE TER POUCA PROGRAMAÇÃO DE TVV ASSSINATURA E NÃO CONCORDA COM OS VALORES COBRADOS
FAÇO LIBERAÇÃO E DIMINUÍMOS O VALOR DA CONTA
PARA TODO BRASIL
WHATZSAP 11 958694345

Helinton Prado     

vcs não vao falar sobre a contratação de Alex Teixeira? ficam repetindo matéria.

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias