11/8/2017 09:11

De Lucca a Alan Mineiro: Veja os jogadores que podem voltar ao Corinthians em 2018

Timão tem 14 atletas emprestados a equipes das Séries A e B do Campeonato Brasileiro. Três deles se destacam e ficam na mira da comissão técnica

Para o Corinthians, emprestar jogadores não tem significado apenas de uma redução numérica de seu elenco atual. A prática serve também para dar experiência e rodagem a quem não vinha tendo espaço – principalmente em 2017, na equipe de Fábio Carille. Numa temporada tão boa para o Timão, até quem foi cedido a outros clubes consegue se destacar.



Atualmente, são 14 jogadores emprestados a adversários das Séries A e B. O principal é Lucca, da Ponte Preta, que soma dez gols no Brasileirão e vem chamando a atenção de clubes como o Nantes, da França.

A diretoria alvinegra, em conjunto com a comissão técnica, possui relatórios periódicos sobre cada jogador. Em 2016, a tática funcionou com o volante Maycon, por exemplo. Emprestado também à Ponte, fez boa temporada e voltou, na atual temporada, mais experiente. Hoje, é titular indiscutível.

Para o futuro próximo, a ideia também é recrutar quem esteja pronto para assumir responsabilidades no Corinthians. Neste contexto, além de Lucca, podem voltar o volante Jean, do Vasco, e o goleiro Douglas, atualmente no Avaí. Os três, hoje, são os que mais chamam a atenção de Carille.

O GloboEsporte.com lista abaixo a situação desses 14 nomes. Apenas um deles não está cedido até o fim de 2017: o meia Guilherme, que fica no Atlético-PR até dezembro de 2018.

Lucca (Ponte Preta)
No Corinthians: talismã no título de 2015 e titular em boa parte de 2016. Deixou o clube em janeiro, em busca de mais espaço. Carille queria sua permanência. São 59 jogos e 12 gols.

Status atual: titular da Ponte e artilheiro da equipe no Brasileirão, com dez gols.

Em 2018: pode voltar ou ser vendido.

Jean (Vasco)
No Corinthians: contratado na metade de 2016, teve pouquíssimo espaço e foi cedido para ganhar experiência em outro clube grande. Tem apenas dois jogos.

Status atual: titular na equipe de Milton Mendes, é o cão de guarda do meio-campo. Participou de 18 dos 19 jogos do primeiro turno. Fez gol contra a Chapecoense.

Em 2018: pode voltar.



Douglas (Avaí)

No Corinthians: contratado para a temporada 2016, só fez um amistoso pelo Timão, contra o Fort Lauderdale Strikers. Sem espaço, acabou emprestado ao Grêmio e, depois, repassado ao Avaí.

Status atual: virou titular na metade do primeiro turno e, com grandes defesas, destacou-se principalmente nas vitórias sobre Botafogo e Grêmio, fora de casa. São 10 jogos no Brasileiro.

Em 2018: pode voltar.



Marlone (Atlético-MG)

No Corinthians: contratado como solução em 2016, alternou bons e maus momentos até perder espaço com Carille e ser trocado por Clayton, do Galo. Tem 50 jogos e nove gols.

Status atual: reserva de luxo no Atlético, tem sido utilizado no Brasileirão. Fez dois gols em 10 partidas pela competição nacional.

Em 2018: pode ser vendido ou emprestado de novo.



Guilherme (Atlético-PR)

No Corinthians: assim como Marlone, chegou para ser solução e nunca engrenou. Perdeu espaço quando questionou sua utilização no esquema tático de Fábio Carille e recusou outras propostas antes de ir ao clube paranaense. São 50 jogos e oito gols pelo Timão.

Status atual: sofreu lesão na coluna no início de sua passagem e só voltou na metade de julho. Tem seis jogos e três gols no Brasileiro, dois deles contra o Avaí.

Em 2018: deve manter contrato de empréstimo com o Furacão.



Mendoza (Bahia)

No Corinthians: chegou em 2015, começou com certo destaque, mas acabou emprestado para clubes de Índia e EUA. Fora dos planos de Carille em 2017, teve de ser convencido mais de uma vez a buscar espaço em outra equipe. São 31 jogos e três gols.

Status atual: titular do Bahia, fez seu primeiro gol pelo clube no domingo passado, contra o São Paulo. Adaptou-se rapidamente e soma 14 jogos no Brasileiro.

Em 2018: deve ser emprestado de novo.



Alan Mineiro (Vila Nova-GO)

No Corinthians: chegou em 2016 e até foi titular em jogos decisivos da Libertadores daquele ano, como contra o Nacional-URU. Perdeu espaço em 2017 e acabou emprestado à Ferroviária antes de seguir para o Vila. Curiosamente, é dele o gol responsável pela última derrota do Timão, dia 19 de março. Tem 12 jogos e dois gols pelo clube.

Status atual: camisa 10 e maestro do clube goiano, terceiro colocado da Série B. Acumula 18 jogos e sete gols na competição nacional.

Em 2018: deve ser emprestado de novo.



Outros emprestados

Yago (Ponte Preta): o zagueiro trata lesão no joelho e não deve voltar ao Timão.

Luidy (Figueirense): dois gols em 17 jogos na Série B. O atacante deve ser emprestado.
Bruno Paulo (Santa Cruz): outro atacante que não deve voltar. Um gol na Segundona.

Gustavo (Goiás): sem convencer, o atacante deve ser reemprestado.
Guilherme Romão (Oeste): opção no clube paulista, o lateral-esquerdo pode voltar se Guilherme Arana for negociado. Caso contrário, deve ser emprestado de novo.

Gabriel Vasconcelos (Oeste): fora dos planos de Carille, o atacante deve ser emprestado.

Rodrigo Sam (Oeste): o zagueiro é outro que deve ser reemprestado.






159126 visitas - Fonte: Globo Esporte

Mais notícias do Corinthians

Notícias de contratações do Timão
Notícias mais lidas

Tony Claytom     

É o Delamore?

guilherme romao tem q voulta pprq esse reserva do arana e ruim de mais pelo amor di deus

Felipe Toledo     

OLÁ VOCÊ DE TODO BRASIL QUE TEM TV POR ASSINATURA E TEM POUCOS CANAIS E PAGA CARO.
NÓS TEMOS A SOLUÇÃO
LIBERAMOS OS CANAIS E REDUZIMOS A FATURA
INTERESSADOS ZAP 11980799494

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui ou Conecte com Facebook.

Últimas notícias